• Por: Garantidora Duplique Desembargador
  • 19/03/2014

Inquilino tem participação importante nas reuniões de condomínio

Nada mais justo que assuntos que envolvem convivência, gastos e investimentos do condomínio sejam discutidos e apresentados a todos os moradores. Por isso existem as assembleias de condomínio. Caso os proprietários não possam estar presentes, os inquilinos podem participar e votar, mas para isso é necessário que o dono do apartamento conceda uma procuração para que possa ser substituído. Vale ressaltar que a necessidade dessa […]

inquilino-reuniões-condomínioNada mais justo que assuntos que envolvem convivência, gastos e investimentos do condomínio sejam discutidos e apresentados a todos os moradores. Por isso existem as assembleias de condomínio. Caso os proprietários não possam estar presentes, os inquilinos podem participar e votar, mas para isso é necessário que o dono do apartamento conceda uma procuração para que possa ser substituído. Vale ressaltar que a necessidade dessa procuração é prevista em lei.

“Se o proprietário delegou poder ao locador, ele participa irrestritamente das assembleias”, comenta o síndico profissional Nilton Savieto. Porém, nada impede que o locador participe das reuniões mesmo que o proprietário esteja presente, pois em muitas delas são discutidos assuntos como convivência e segurança, o que passa a ser de interesse principalmente de quem mora no local.

É comum que muitas pessoas que moram em apartamentos não conheçam os vizinhos, e para os que não participam de nenhuma reunião torna-se difícil saber o que se passa no prédio. Ao participar das reuniões de condomínio, os moradores passam a perceber o que pode melhorar no lugar em que moram e até mesmo dar sugestões de mudanças.

Você que mora em apartamentos, verifique as datas de reuniões de seu prédio e participe delas, pois podem ser muito interessantes e ajudar a saber mais sobre as novidades e mudanças no condomínio.

Fonte: Ademilar

  • COMPARTILHE

Pesquisar

Desenvolvido por: